Mãe dispara contra filho que não quer ir à escola

A mulher está detida e o jovem internado em estado crítico.

Dos Estados Unidos da América chega-nos mais um caso de um ato de violência cometido com recurso a armas de fogo.

Desta feita, uma discussão entre mãe e filho quase acabava em tragédia, não sendo ainda certo que não venha a acabar.

Tudo aconteceu na quinta-feira na pequena cidade de Inkster, no Michigan. Mãe e filho, este de 17 anos, discutiram logo pela manhã porque o jovem não queria ir à escola.

Segundo o portal Detroit News, o adolescente saiu de casa batendo com a porta e a mãe, chateada, pegou numa arma, dirigiu-se à janela e disparou na direção do filho.

O jovem foi atingido nas costas e foi levado para o hospital, onde permanece internado em estado crítico, mas estável. Por seu turno, a mulher foi detida e assim deverá continuar até ao julgamento.